saúde

  1. Nova cepa da Influenza, Gripe H3N2 ou variante Darwin

    Entendendo a Gripe H3N2

    A gripe comum e resfriados são causadas principalmente pelo vírus Influenza A, sendo transmitido pelas gotículas que são liberadas no ar pela tosse ou espirro de indivíduos contaminados ou pelo contato direto. H1N1 é um subtipo da Influenza, bem como a variante H3N2. O subtipo H3N2 do vírus Influenza A também tem sido chamado de “variante Darwin” e é a responsável pelos surtos de gripe que estão acontecendo em todo o país e já renderam alertas de epidemia.

    A circulação da nova cepa do vírus Influenza A está sendo relacionada à baixa adesão da população à vacina da gripe, à maior circulação de pessoas e ao relaxamento dos protocolos de proteção e combate à pandemia de Covid-19. Por ser um

    Leia mais »
  2. Como garantir a proteção durante estação mais quente do ano

    Verão é época de muito calor e sol sobre nossas cabeças e, exatamente por isso, é gostoso curtir uma praia, uma piscina e um passeio ao ar livre com amigos e familiares. Mas a incidência direta do sol pode trazer danos à pele e ao nosso organismo como um todo. Por isso, temos algumas dicas de produtos que podem ser encontrados na Drogaria Total mais próxima a você e vão lhe ajudar no dia a dia, durante esta época quente e ensolarada: (...)

    Leia mais »
  3. Sol e prevenção: campanha Dezembro Laranja e o câncer de pele

    Dezembro é mês de sol, de verão, de férias escolares, feriados, e tudo isso leva a muita praia também. Com tudo isso, também é o momento de acender um alerta que é evidenciado anualmente com a campanha Dezembro Laranja. Um dos mais frequentes em todo o território nacional e no mundo, o câncer de pele corresponde 27% dos tumores malignos do Brasil, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA). Este tipo de doença tem como fator de risco para seu desenvolvimento a exposição excessiva ao sol, principalmente quando não utilizando o protetor solar, e tem aparecido mais frequentemente em adultos com mais de 40 anos (...)

    Leia mais »
  4. Outubro rosa e as chances de cura do câncer de mama

    Colocar o câncer de mama em pauta é mais do que falar sobre a saúde da mulher: é conscientizar a população, levar informação, compartilhar sobre a grandiosidade dessa doença e possibilitar mais acesso ao seu diagnóstico. Esses são exatamente os propósitos da campanha Outubro Rosa, que facilita o diálogo sobre o câncer, além de alertar aos sintomas que podem ajudar a identificar a doença e incentivar os exames, que levam ao diagnóstico preococe.

    Em entrevista, a mastologista Paola Candido Menani compartilha seu conhecimento sobre o assunto, falando também da sua frequência no mundo, da característica heterogênea da doença, da importância dos exames de rastreamento para redução da mortalidade e da influência da pandemia no diagnóstico precoce.

    Assista ao vídeo:

    Leia mais »
  5. O psicólogo é essencial na manutenção da saúde mental

    O momento atual trouxe em pauta a saúde mental e os problemas enfrentados por grande parte da sociedade brasileira – como a ansiedade, depressão, crise do pânico e fobias – junto a limitação do ir e vir e do convívio social. No Dia do Psicólogo, é importante ressaltar o cuidado especial e necessário que devemos ter para que a saúde mental, pensamentos, ideias e sentimentos estejam em equilíbrio.

     

    Para a Organização Mundial da Saúde (OMS), um completo bem-estar abriga todas as vertentes do físico, social e mental, sendo o último parte fundamental e complementar para que as funções orgânicas do nosso corpo funcionem com plenitude. A assistência do psicólogo é essencial para ajustar comportamentos e atitudes, administrar impactos emocionais, compartilhar sentimentos, promover a saúde e prevenir doenças.

    Leia mais »
  6. Amamentação em foco: esclareça suas dúvidas

    A campanha Agosto Dourado coloca o aleitamento materno em foco, esclarecendo dúvidas já conhecidas sobre amamentar, e outras questões que envolvem a nossa atualidade, como a situação de pandemia. Quem contribui conosco nesta iniciativa de conscientização é o Dr. Adalberto Moreira de Souza.

    O pediatra enfatiza a importância do aleitamento materno e como ele contribui para o desenvolvimento da criança, protegendo-a de diversas doenças até os 3 anos de idade, entre elas as agudas, infectocontagiosas, metabólicas e respiratórias.

    Ou seja, amamentar é um cuidado imediato que terá benefícios a longo prazo, favorecendo a criança por toda a sua vida. Assista a entrevista completa e entenda porque o leite materno é tão importante. Apoie, proteja e incentive também a amamentação.

    Leia mais »
  7. Julho Amarelo: combate às hepatites virais

    O mês de julho terminou, mas a conscientização sobre o combate às hepatites virais é uma semente que deve ser cultivada durante todo o ano. Confira a entrevista com a hepatologista Adriana Martins Miranda e saiba mais sobre os tipos de hepatites que assolam a população:

    Leia mais »
  8. A doação de sangue: saiba tudo sobre essa ação necessária

    Junho foi escolhido como mês representante da Campanha de incentivo a doação de sangue por dois motivos: em mérito ao Dia Mundial do Doador de Sangue e, também, pela época mais fria do ano ter uma grande diminuição no número de doadores. Ou seja, é o momento em que os bancos mais precisam dessa ação de amor e solidariedade, como explica a hematologista Maria do Carmo Favarin.

    Em entrevista, a doutora esclarece os requisitos básicos para a doação, além das contraindicações que existem para a proteção tanto do doador, quanto do receptor. Além disso, fala sobre quantas vidas são transformadas com uma única doação, o tempo necessário para o volume de sangue, a quantidade de hemácias e estoque de ferro se reestabelecerem, e os processos que sucedem a doação de sangue, a fim de prepará-lo para o seu receptor. 

    Confira a entrevista completa abaixo. Procure o hemocentro da sua região e faça o bem. Doe sangue.

    Leia mais »
  9. A importância do sono para a saúde e para o organismo

    Uma boa noite de sono também é essencial para manter a saúde, sabia? O nosso organismo entra em uma espécie de “modo de manutenção” enquanto dormimos, realizando diversas funções restauradoras do corpo, o que garante longevidade e auxilia na prevenção de problemas de saúde. Os especialistas da área recomendam uma média de 8 horas de sono diário, o que pode variar de acordo com a idade. Adultos, por exemplo, precisam de 7 a 8 horas, enquanto adolescentes necessitam de mais, de 8 a 10. E se crianças precisam de 9 a 13 horas de sono, para os bebês então é necessário de 12 a 16 horas.

    Manter uma boa regularidade de sono ajuda na prevenção de:

    • Diabetes, pois a falta de dormir pode influenciar desregulando o controle do açúcar no sangue pela insulina e pode desenvolver diabetes tipo 2.
    • Diminuição na imunidade, porque se o indivíduo fica sem dormir direito, há um aumento nos níveis de mediadores inflamatórios, diminuindo a res
    Leia mais »
  10. Alerta às Doenças Inflamatórias Intestinais (DII)

    As Doenças Inflamatórias Intestinais, também conhecidas como DII, são doenças que afetam o intestino e podem ter manifestações extra intestinais. Apesar de acometerem qualquer idade, possuem uma faixa de idade como pico de incidência, sendo essa a população jovem adulta. A campanha Maio Roxo é um importante alerta para identificar as doenças e seus sintomas, com o objetivo de tratá-las no momento correto, recuperar a qualidade de vida dos pacientes e não desenvolver riscos de consequências mais graves. 

    Rogério Parra, coloproctologista, é o especialista que explica a Doença de Crohn e a Retocolite Ulcerativa. Como sinal de alarme para procurar um especialista, destaca a dor abdominal frequente, cólicas fortes, emagrecimento, anemia e diarreia com sangue ou catarro. Assista a entrevista completa, e conheça melhor as DII e suas características:  

    Leia mais »